Felipe Andrade de CIS Group: Lucidlink reduz drasticamente os custos de produção

A Integradora CIS Group apresentou no Speed Pitching, um dos eventos do SET eXPerience 2021 a solução LucidLink, um sistema de edição totalmente baseada em nuvem para criadores de conteúdo que pretendem realizar compartilhamento de áudio e vídeo que reduz os custos de produção com a utilização do sistema SAS que permite pagar apenas pela utilização da plataforma.

O VP de Ventas da CIS Group,  Felipe Andrade, disse no programa que a plataforma é semelhante a “Dropbox, oneDrive, iCloud, AWS, entre outros, porque permite compartilhar arquivos, mas o seu diferencial passa porque foi pensada exclusivamente para o mercado de edição de áudio e vídeo possibilitando o acesso instantâneo com latência quase (0) zero”.

Andrade explicou que esta é uma solução de storage NAS 100% na nuvem, que se integra aos sistemas de edição Adobe Premiere, Media Composer, Final Cut Pro ou Da Vinci Resolve, com a funcionalidade que o usuário espera de um NAS com hardware local. “A instalação da plataforma é 100% na nuvem com oferta de diferentes planos de utilização dependendo da necessidade do usuário”, comentou.

Segundo o executivo, “a solução é ideal para organizações que desejam aproveitar a economia de armazenamento em nuvem e utilizá-la para produções de áudio e vídeo de alto desempenho”. Para isso, a solução tem um protocolo próprio que separa a mídia dos metadados “dividindo o arquivo em múltiplos objetos o que permite que o acesso a cada objeto seja feito de maneira quase instantânea, o que permite substituir o NAS local por um storage totalmente na nuvem que pode ser escolhido pelo usuário dependendo da sua posição geográfica e as necessidades de cada plano de acesso a plataforma”.

Ainda, disse Andrade no Speed Pitching, é a possibilidade editar com “while ingesting” o que significa que “poucos segundo após iniciar o upload de arquivos para a nuvem qualquer usuário em qualquer lugar pode começar a editar esse conteúdo”, o que segundo o executivo permite a “separação do mesmo projeto em diversos editores utilizando o mesmo workflow com um armazenamento em nuvem escalável”.

Finalmente, comentou Andrade, a plataforma permite “trabalhar com qualquer tipo de arquivo e tamanho e codec sem a necessidade de instalação de hardware ou de um treinamento especializado para ser utilizado”. O Lucidlink tem uma versão “trial” para quem quiser experimentar que pode ser baixada em https://www.lucidlink.com/

O Speed Pitching  faz parte do programa do SET eXPerience 2021. Terá ao todo 5 edições, e nele, empresas nacionais e internacionais têm a chance de apresentar os seus produtos e serviços a um grupo de especialistas do mercado. A dinâmica do evento reproduz aquelas situações em que empresas têm pouco tempo para realizar uma venda, como às vezes acontece nos estandes de uma feira. São três minutos de apresentação seguidos de mais cinco minutos de comentários dos especialistas, em uma dinâmica ágil e descontraída.

Felipe Andrade foi sabatinado pelo Professor Fernando Moura, e contou com a participação de Rodolpho Cabral, Gerente de Soluções de mídia da Globo; Carlos Cauvilla, Diretor de Tecnologia e operações do SBT; e Antonio Carlos Nobrega Sobrinho, Gerente de implementações e Projetos da RecordTV.

Please follow and like us:
Twitter
Visit Us
Follow Me
LinkedIn
Share
Instagram

Otras Noticias