Futura Produções integra HBO GO à plataforma Watch Brasil

O processo de integração de conteúdo do gigante norte-americano foi possível uma vez que o desenvolvedor brasileiro de soluções realizou, em conjunto com a Watch Brasil, por meio da comunicação REST, a integração com a API da HBO GO. ´A intermediação de conhecimento, orientação e testes foi realizada pela HBO Latin America´, explicou à Prensario, Alexandre Zarich, CTO da Futura Produções.

Ainda, a integração permitiu a criação de uma nova modalidade de faturamento, que não se considera nem SVOD (Subscription Video on Demand) nem TVOD (Transactional Video on Demand) porque é a intermediação e controle da disponibilidade de conteúdo de terceiros pela Watch Brasil´, explicou o desenvolverdor.

O executivo da empresa com sede na Ilhabela, interior de São paulo, comentou à reportagem que a integração da HBO GO com a Watch Brasil é um marco importante ja que é parte de um trabalho de alguns anos junto da plataforma de streaming que começou no desenvolvimento inicial do projecto e se tem extendido no tempo. ´O que fizemos agora foi reunir, em um único lugar, diversos conteúdos com diferentes APIs abertas e através delas integrar as plataformas back-to-back. Futura desenvolveu a solução Watch Brasil com todos os recursos para gestão de clientes, controle de acesso, integração de pagamentos e experiência do cliente´.

Zarich afirmou que a integração com HBO GO só foi possível porque o portafolio da empresa conta com soluções que são criadas no núcleo central da plataforma do cliente utilizando tecnologias que possibilitam trabalhar, processar e entregar conteúdos em diversos formatos para plataformas OTT, VoD, SVoD, IPTV, EaD e aplicativos para celulares e Smart TVs. ´As plataformas são desenvolvidas em módulos que se conectam ao núcleo central otimizando tempo de desenvolvimento e entrega da solução para o cliente´.      

A pandemia se apresentou com uma oportunidade em alguns mercados nos que a Futura Produções atua porque aumentou o volume de trabalho nos setores de VoD e EaD, comentou Zarich. ´Novos negócios foram gerados, alguns estão na fase final para lançamento. Os clientes ativos aumentaram sua plataforma com mais opções e funções e outras negociações estão em fase adiantada de negociação, principalmente para o segmento de EaD que precisa ajustar os meios de entrega (celular, web) do conteúdo, a realidade de conectividade da sua região ou cidade´.

No contexto da crise sanitária provocada pela Covid-19, Zarich espera que a situação se reverta nos proximos tempos e a indústria volte ao seu curso normal para que dessa forma os investimentos em tecnologia que se aceleraram durante a etapa de isolamento social possam acompanhar a distribuição de conteúdos por streaming. ´Para que o crescimento se mantenha necessitamos melhorar os custos de CDN (Central Distribution Network) junto aos nossos fornecedores, para ofertar soluções mais competitivas, convergentes e que tragam mais consumidores gerando mais lucro para os clientes das nossas plataformas e soluções´, finalizou.

Please follow and like us:
Twitter
Visit Us
Follow Me
LinkedIn
Share
Instagram

Otras Noticias