Raimundo Lima de Produpix: A nova empresa se especializa em assessoria e consultoria

No primeiro semestre de 2021, Raimundo Lima, um dos mais experimentados gerentes de engenharia do Brasil saiu do SBT e se lançou para nossos horizontes com a criação de Produpix, um desafio e tanto, disse à reportagem da Prensario. “Começar uma nova frente em pleno período de pandemia, já é um desafio por si só. Mas, para encontrarmos soluções ideais e que possam ser inovadores, disruptivas, ideais é preciso conhecer bem o passado e a evolução dos meios produtivos. Dessa forma, a Produpix vem se posicionando nas prestações de serviços e consultorias, atuando como agente centralizador de profissionais e empresas parceiras que possam oferecer a melhor solução aos seus clientes”.

O executivo disse à Prensario que a meta da Produpix passa por “se tornar uma referência no mercado de soluções corporativas. Estar atualizado com o de melhor que estiver à disposição no mercado, tecnologias, tendências e principalmente manter contatos com profissionais que façam diferença”.

TV aberta e mudanças

Lima que já foi executivo de produção e operações de mídia, com mais de 30 anos de atuação no setor de audiovisual, atuou nas principais redes de televisão como SBT, TV Globo, Band, TV Cultura e Esporte Interativo, refletindo sobre como é deixar o dia da emissora e transformar-se em alguém que pode ajudar com soluções, argumentou que “não é tão simples, principalmente quando se vêm de décadas atuando da forma ativa em todas as emissoras que passei. Sempre tive fascínio pelos desafios diários das emissoras, a ausência de rotinas também é uma forma de trabalho que eu gosto e que me sentia a vontade em atuar”. 

Ele disse que o “trabalho de planejamento, projetos, transformações e atualizações, há muito, já estavam na minha agenda diária, mas agora, preciso me posicionar como principal foco do meu trabalho. É uma questão de adaptação e que sinto estar ocorrendo de uma maneira mais rápida que a minha expectativa inicial”.

Finalmente e olhando para o mercado de TV aberta no qual atuou por tantos anos, Lima disse que tem muita vida pela frente e que ser gratuita continua a ser um dos seus maiores atrativos “A expectativa é que a implantação das redes multicast continue com a implantação do ATSC 3.0 (Gen TV)” e que essas redes incluindo mais largura de banda, “possam permitir as emissoras colocar a disposição do telespectador uma variedade maior de conteúdos e com isso atrair novos públicos”.

Please follow and like us:
Twitter
Visit Us
Follow Me
LinkedIn
Share
Instagram

Otras Noticias