TV 3.0 em Brasil: MCom e Fórum SBTVD realizam demonstração em Brasília

Em parceria com o Ministério das Comunicações, Fórum SBTVD realiza demonstrações do DTV Play e da TV 8K

O Fórum do Sistema Brasileiro de TV Digital Terrestre (Fórum SBTVD), em parceria com o Ministério das Comunicações, realizou na quarta-feira (22/9), a demonstração do DTV Play e do padrão de vídeo 8K, “recurso que será disponível na TV 3.0, a televisão do futuro. Ambas as tecnologias foram desenvolvidas pelo Fórum SBTVD”, afirmou a entidade em comunicado.

Para o Fórum o evento foi “uma oportunidade inédita para divulgar os principais benefícios que os brasileiros podem esperar para os próximos anos da TV aberta no Brasil. Em constante evolução, a TV aberta atual terá à disposição uma interatividade muito mais avançada com o DTV Play e recursos como HDR e áudio imersivo, e, em breve ela evoluirá para a TV 3.0, levando ainda mais qualidade de imagem para a população”.

Na demonstração destaque para o DTV Play é o nome comercial do novo perfil de receptores Ginga, identificado na Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) como perfil D. “Seu principal objetivo é trazer maior integração entre broadcast e broadband, integrando também dispositivos pessoais durante a experiência do usuário”, afirmou à Prensario, Deisy Feitosa, cofundadora do Obted (Observatório Brasileiro de Televisão Digital e Convergência Tecnológica).

Para Deisy, pode gerar benefícios, tanto para quem assiste como para quem produz. “Vemos  um território transmídia que ganha força e exige dos radiodifusores um olhar cada vez mais integrado, plural, qualificado, segmentado e colaborativo. Esse é o lugar da criatividade, de se experimentarem inesgotáveis formas de interatividade e de se explorarem diferentes saberes”.

Segundo o Fórum a demonstração foi positiva porque o a ideia é priorizar a experiência do usuário. Vale lembrar que o DTV Play, já está sendo embarcado nos aparelhos de TV fabricados no país, o que “possibilitará que o telespectador assista à programação da TV aberta e conteúdos via internet, com vídeos em UHD. Além disso, receber propagandas mais direcionadas, melhorar a experiência do telespectador com a participação em quizzes de reality shows, promover a interação entre professores e alunos em aulas a distância, entre outras vantagens”.

Caso os resultados dos testes que o Fórum esta desenvolvendo sejam satisfatórios, “eles serão considerados pelo Conselho Deliberativo do Fórum SBTVD, em conjunto com as avaliações dos Módulos Técnico, de Mercado e de Propriedade Intelectual, para recomendar ao Ministério das Comunicações um conjunto de tecnologias apropriadas para a próxima geração de televisão digital no Brasil”.

Please follow and like us:
Twitter
Visit Us
Follow Me
LinkedIn
Share
Instagram

Otras Noticias