TV TEM: ‘Mesclamos softwares 3D e Cinema 4D para criar um ambiente mais tecnológico e futurista nos cenários do telejornal’

Everton Marques da TV TEM

Jornalismo da TV TEM, afiliada à Globo, estreou novo cenário para os seus telejornais em Sorocaba, Bauru, São José do Rio Preto e Itapetininga no interior de São Paulo. O projeto busca maior interatividade com o telespectador ao aproximar os mundos da TV e do digital, e combina tecnologia 3D e 4D para tornar a experiência futurística.

A empresa afirma a que ideia foi ter um estúdio totalmente tecnológico, amplo e clean que possa oferecer uma experiência visual nova, bem próxima da proporcionada pelos vídeos nos smartphones, com telas mais horizontais. Assim o Bom dia Cidade e o TEM Notícias 2ª edição, ganharam um novo pacote gráfico, que atrelado ao cenário maior, “fazem que a tela da TV ganhe mais lateralidade e uma dinâmica diferente para o telejornalismo”.

O coordenador de grafismo da TV TEM, Everton Marques, disse em entrevista que «com o briefing e objetivos definidos, traçamos estratégias de técnicas visuais que melhor pudessem traduzir os conceitos de uma identidade leve, tecnológica, atualizada e conectada com o contexto atual da nossa sociedade e região. Definimos algumas palavras-chave que identificassem o que os jornais da emissora comunicam todos os dias, a parceria com o telespectador, as informações sobre os mais variados assuntos, desde política, emprego, saúde, trânsito, até previsão do tempo, lazer, cultura etc.”. 

Marques explicou ainda que “para criar um ambiente mais tecnológico e futurista, mesclamos softwares, de 3D como o Cinema 4D, entre outros do pacote. Já o processo de produção da vinheta de abertura foi feito a partir de uma narrativa de coleta de informações e notícias na região da TV Tem. A vinheta mostra as quatro regiões da área de cobertura que são destacadas do mapa do estado de SP, e a construção da notícia e das informações colhidas na região e o seu percurso até chegar no logotipo do jornal, na casa e nas telas dos dispositivos das pessoas. Nessa narrativa visual existe a intenção de comunicar a velocidade, a dinâmica da notícia, através do movimento dos traços e da câmera, que contornam os mapas das regiões, e através da estética, das cores e gráficos da composição, mostrar a tecnologia presente na captação e exibição das informações e notícias”.

Clayton Esteves, ilustrador e responsável pelo setor gráfico do jornalismo da emissora, disse à Prensario que «o processo de produção do pacote gráfico foi feito em parceria com Everton Marques tendo como base o projeto cenográfico de Zé Carratu e Dhiego Bueno. O processo de conceituação do pacote gráfico foi feito de forma que garanta a credibilidade dos noticiários. Quando estreia um novo pacote gráfico de um telejornal, você observa que é o mesmo telejornal, que é a mesma emissora na qual você confia e se aproxima com o público».

Please follow and like us:
Twitter
Visit Us
Follow Me
LinkedIn
Share
Instagram

Otras Noticias